Cofundador do Talibã que negociou com Trump volta ao Afeganistão após 10 anos

PARCEIROS DO SITE


 

Cofundador do Talibã que negociou com Trump volta ao Afeganistão após 10 anos

 Mullah Abdul Ghani Baradar, cofundador e líder político do Talibã (centro), durante a conferência de paz afegã em Moscou, na Rússia, em 18 de março de 2021 — Foto: Alexander Zemlianichenko/Pool via Reuters

Mullah Abdul Ghani Baradar, um dos cofundadores do Talibã e chefe político do grupo extremista, que negociou o acordo de paz com os Estados Unidos, voltou ao Afeganistão após dez anos.

Baradar fazia parte da equipe que negociava em Doha, no Catar, um cessar-fogo com o antigo governo afegão e desembarcou na terça-feira (17) em Kandahar, a segunda maior cidade do Afeganistão.

Ele havia sido preso em 2010 em Karachi, no sul do Paquistão, e libertado em 2018, a pedido do então presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para participar das negociações de paz em Doha.

Postar um comentário

0 Comentários