Michael faz golaço pelo Fla, mas América-MG busca empate nos acréscimos

PARCEIROS DO SITE


 

Michael faz golaço pelo Fla, mas América-MG busca empate nos acréscimos

  Diego em ação no empate entre América-MG e Flamengo — Foto: Fernando Moreno/AGIFCom uma equipe repleta de reservas, o Flamengo chegou a ficar perto da vitória com um golaço de Michael aos 43 minutos do segundo tempo. Porém, nos acréscimos, sofreu o empate do América-MG e a partida terminou com o placar de 1 a 1 no estádio Independência, em Belo Horizonte (MG). Com isso, o Rubro-Negro se manteve distante do líder Atlético-MG, que ontem (25) também empatou, num placar de 0 a 0 com o São Paulo.

Agora o time do técnico Renato Gaúcho vira a chave para a decisiva partida contra o Barcelona de Guayaquil, no Equador, válida pelo jogo de volta das semifinais da Copa Libertadores. Na ida, no Maracanã, o Flamengo venceu por 2 a 0 e construiu uma boa vantagem.

Já o América-MG segue em situação delicada na luta contra o rebaixamento e visita no próximo sábado (2) o Cuiabá.

Jogo ganha emoção no fim

Em boa parte da partida o jogo foi sonolento. Porém, da metade da etapa final para o fim, muito por conta das substituições, o duelo ganhou ânimo com ambas as equipes criando bastante. O empate, no entanto, foi o resultado mais justo.

Michael entra muito bem

Michael manteve sua boa fase e, entrando no segundo tempo, colocou "fogo" na partida e foi coroado com um golaço.

Vitinho disperso

Vitinho não teve uma boa atuação em Belo Horizonte. Disperso, em alguns momentos o atacante desperdiçou contra-ataques e teve a bola roubada de maneira fácil.

Quase um golaço por cobertura

Logo no início do jogo, Bruno Henrique aproveitou um chutão do goleiro Gabriel Baptista, viu o arqueiro Mateus Cavichioli adiantado e tentou um chute de longe, por cobertura. Quase ocorreu um golaço!

Aí, não, Marlon!

Aos 22 minutos do primeiro tempo, Ademir fez grande jogada pela direita e rolou para trás, na medida para Marlon. De frente para o gol, porém, o lateral chutou de forma bisonha para fora.

Maia cita horário

No intervalo da partida, Thiago Maia destacou o fato dos jogadores não estarem acostumados a jogar às 11h, mas não quis utilizar isso como desculpa para a atuação no primeiro tempo.

"Não estamos acostumados a jogar neste horário, mas não podemos usar como desculpa. Acho que tivemos chances de fazer o gol. Agora é ter paciência e buscar o resultado", declarou ao Premiere.

Golaço de Michael

Aos 43 minutos do segundo tempo, Michael ligou seu "turbo", enfileirou adversários, tocou para Pedro, recebeu de volta e empurrou para o fundo da rede para abrir o placar o Flamengo.

Confusão por conta de uniforme

Uma grande confusão entre as equipes aconteceu antes do jogo por conta de uniforme. Ambos os times escolheram o branco para vestir e nenhum dos dois abria mão de manter a vestimenta. Dirigentes discutiram asperamente na entrada dos vestiários e, depois de muita polêmica, o América-MG trocou para o verde e preto.

A chegada do América-MG ao estádio

Flamengo é tietado no hotel

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 1 X 1 FLAMENGO
Campeonato: 
Série A do Campeonato Brasileiro
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Hora: 11h (horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartões amarelos: Ademir (AME); Matheuzinho (FLA)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Michael, aos 43 minutos do segundo tempo (FLA); Alê, aos 49 minutos do segundo tempo (AME)

América-MG: Matheus Cavichioli; Patric, Ricardo Silva, Bauermann, Lucas Kal e Marlon (Alan Ruchel); Juninho (Ribamar), Ademir e Zárate; Felipe Azevedo (Rodolfo) e Fabrício Daniel (Alê). Técnico: Vagner Mancini.

Flamengo: Gabriel Batista, Matheuzinho (Rodinei), Léo Pereira, Gustavo Henrique e Renê; Willian Arão (Lázaro), Thiago Maia, Diego (Andreas Pereira) e Vitinho (Michael); Bruno Henrique (Kennedy) e Pedro. Técnico: Renato Gaúcho

Postar um comentário

0 Comentários