Bragantino vence Sport e divide vice-liderança com Palmeiras

PARCEIROS DO SITE


 

Bragantino vence Sport e divide vice-liderança com Palmeiras

  Bragantino venceu o Sport na noite desta quinta-feira (28)

Nesta quinta-feira (28), o Bragantino conquistou mais uma vitória importante e se consolidou com mais firmeza no G4 do Brasileirão. Em casa, o clube bateu o Sport por 3 a 0, gols marcados por Ytalo, Chico (contra) e Cuello. Assim, pode até sonhar com o título da competição.


Com o resultado, o Massa Bruta chega aos 49 pontos e empata em pontuação com o Palmeiras, na vice-liderança. Na próxima segunda-feira (1º), a equipe encara o Cuiabá, fora de casa, às 20h. Por outro lado, o Leão da Ilha continua com 27, em 18º lugar, na zona de rebaixamento.
Logo aos dois minutos do primeiro tempo, Artur cobrou escanteio na segunda trave e Ytalo tocou de cabeça. Thyere até tentou cortar, mas o Bragantino abriu o placar. No lance, Léo Ortiz completou, mandando a bola para o fundo da rede, mas ela já tinha entrado, e o gol foi dado ao atacante. Mais tarde, o Sport tentou a reação com um contragolpe rápido, finalizado por Gustavo Oliveira, que parou em espalmada de Cleiton.

O duelo ficou bem equilibrado, com os donos da casa tendo mais posse de bola e os visitantes buscando os contra-ataques. Mikael quase empatou após cruzamento de Ewerthon. Na reta final do primeiro tempo, uma chance para cada lado. Primeiro, Mikael recebeu na área, bateu de primeira e acertou a rede pelo lado de fora. Logo depois, Cuello fez ótima jogada individual pela esquerda, buscou o ângulo, mas Maílson se esticou todo e fez a defesa.

Aos quatro minutos do segundo tempo, após escanteio batido, Fabrício Bruno e Ortiz jogaram na área, Luciano Juba tentou afastar, a bola bateu em Chico, que fez contra. Era o segundo gol do Bragantino. Logo depois, o duelo ficou aberto e as equipes tiveram boas chances. Eric Ramires e Alerrandro quase marcaram o terceiro do Massa Bruta.

O Sport foi para cima em busca do empate, mas Cleiton virou gigante. Primeiro defendeu dois chutes de Zé Welison e um de Ewerthon na mesma jogada. Logo depois, foi buscar uma bomba mandada por Gustavo Oliveira. No fim, Cuello marcou o terceiro e deu números finais à partida.

Postar um comentário

0 Comentários