Covid-19: França impõe home office e antecipa a 3ª dose de vacina

PARCEIROS DO SITE


 

Covid-19: França impõe home office e antecipa a 3ª dose de vacina

 

Governo francês limitará encontros públicos a partir de janeiro

Governo francês limitará encontros públicos a partir de janeiro

GONZALO FUENTES/REUTERS - 06.12.2021

O governo da França anunciou nesta segunda-feira (27) novas medidas para combater a quinta onda de contágio pelo coronavírus, incluindo a imposição do home office por pelo menos três dias por semana e antecipando a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 de cinco para três meses após as duas primeiras injeções.

O primeiro-ministro francês, Jean Castex, anunciou as medidas após a aprovação de um projeto de lei no Conselho de Ministros, que terá que ser aprovado pela Assembleia em janeiro. O texto exclui medidas drásticas, pois por enquanto o retorno à escola em 3 de janeiro de 2022 será mantido e um toque de recolher é descartado.

Por outro lado, está prevista a restrição de reuniões públicas. Acompanhado pelo ministro da Saúde, Olivier Véran, Castex frisou a necessidade de aumentar a taxa de vacinação e, para isso, confirmou que o passe sanitário atual será transformado em um passaporte de vacinação.

Postar um comentário

0 Comentários