Cornélio Procópio publica decreto que proíbe realização de eventos de Carnaval

PARCEIROS DO SITE


 

Cornélio Procópio publica decreto que proíbe realização de eventos de Carnaval

 

Imagem: Prefeitura de Cornélio Procópio

 A Prefeitura de Cornélio Procópio publicou um decreto que proíbe a realização de eventos públicos e particulares com potencial aglomeração referentes às comemorações do Carnaval de 2022. A medida atende orientação do Ministério Público (MP) e faz parte das ações de enfrentamento à pandemia de Covid-19 e segue as diretrizes mantidas pelo município no sentido de evitar a propagação da doença.

De acordo com o ato, fica proibida a realização de reuniões, festas, bailes ou outros eventos carnavalescos ou congêneres que envolvam a concentração de pessoas no município, em ambientes fechados públicos e privados, no período entre 28 de fevereiro e 5 de março. Enquadram-se no decreto eventos relacionados exclusivamente à festas de carnaval em ambientes destinados à promoções do gênero.

O que o decreto restringe são comemorações específicas de carnaval em ambientes públicos e particulares no sentido de se evitar a propagação da Covid-19. “Trata-se de uma ata de reunião com orientações que foram sugeridas pelo MP. Não se incluem no decreto as apresentações de música ao vivo com até três integrantes em estabelecimentos  como bares e restaurantes”, explicou a vice-prefeita e secretária municipal de Saúde, Angélica Olchaneski.

Ela justificou que  o momento no município é de decadência na questão do aumento do número de casos e a adoção de tais medidas é justamente para evitar novo aumento de casos neste período. “Estamos vivendo um período decrescente nos casos da doença no município. Assim, precisamos seguir adotando as medidas de segurança para que cheguemos ao final de março com uma realidade totalmente diferente”, projetou.

Também, ainda seguindo as orientações para evitar aglomerações, o município, ao contrário de anos anteriores,  optou por cancelar o ponto facultativo da  segunda-feira de Carnaval  para todos os setores das repartições públicas municipais. Já a terça-feira, dia 2 de março, não haverá expediente.

Postar um comentário

0 Comentários