Damares deve se candidatar ao Senado, mas não descarta ser vice

PARCEIROS DO SITE


 

Damares deve se candidatar ao Senado, mas não descarta ser vice

 

Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves deve disputar as eleições 2022

Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves deve disputar as eleições 2022

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, confirmou à Record TV e ao R7 que deve disputar uma vaga no Senado e que pretende ser a presidente da casa. O estado pelo qual a ministra entrará na disputa, no entanto, ainda não foi definido. 

Cotada para ser vice de Jair Bolsonaro (PL) à Presidência, a ministra disse que ainda não houve convite ou conversa com o presidente da República sobre o assunto. Ela diz que, se for convidada, aceitará. 

A disputa ao Senado segue a estratégia de Bolsonaro de aumentar a base de apoio na casa. Os objetivos são reduzir as resistências que os senadores vêm oferecendo às votações de interesse do governo, no caso da sua vitória, e manter o bolsonarismo vivo no Congresso, em eventual derrota. 

São cinco os estados considerados por Damares, e entre eles estão Espírito Santo, Pará e São Paulo, esse último o domicílio eleitoral da ministra. No Espírito Santo, Damares tem apoio de políticos locais. O prazo para alteração do domicílio eleitoral é 2 de abril. 

Postar um comentário

0 Comentários