Boletim da SESA aponta morte por dengue no Norte Pioneiro

PARCEIROS DO SITE


 

Boletim da SESA aponta morte por dengue no Norte Pioneiro

 

Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet











A Secretaria Estadual de Saúde do Paraná (SESA) divulgou nesta terça-feira (24) mais uma edição do boletim informativo sobre a situação da dengue no estado. O documento aponta a morte de um paciente vítima da doença no Norte Pioneiro.

De acordo com os números, ao todo 11 pessoas perderam a vida vítimas da dengue na última semana, além de 11.464 novos casos que foram diagnosticados e registrados neste período, número que chama ainda mais a atenção e o sinal de alerta segue ligado, visto que representa 20% a mais de pessoas contaminadas em relação ao informe anterior. Ao todo, o Paraná já soma neste período sazonal 171.361 casos registrados da doença com 32 mortes.

Na região do Norte Pioneiro, o boletim aponta a morte de uma pessoa vítima da doença na cidade de Cornélio Procópio. O informe ainda aponta óbitos nas cidades de Pitanga, Pato Branco, Matelândia, Arapongas, Foz do Iguaçu, Cafelândia, Cianorte, Maringá e Londrina. As vítimas são quatro mulheres e sete homens com idades entre 41 e 90 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 1º de abril e 14 de maio deste ano.

Dos 382 municípios que registraram notificações de dengue, 335 confirmaram a doença. Em 298 deles há casos autóctones, ou seja, a doença foi contraída na cidade de residência dos pacientes.

Ainda de acordo com a secretaria, os dados levantados pelas equipes apontam que os principais criadores do Aedes Aegipty, o mosquito da dengue e principal vetor da doença, são lixos acumulados ou descartados de forma irregular como recipientes plásticos, garrafas e latas, sucatas acumuladas em terrenos ou ferros-velhos e entulhos de construção. Estes locais representam cerca de 38,2% do criadouros do mosquito.

AEN

Postar um comentário

0 Comentários