POR FALTA DE PAGAMENTO SAMU PODE PARAR EM CONGONHINHAS E MAIS 42 MUNICÍPIOS!

PARCEIROS DO SITE


 

POR FALTA DE PAGAMENTO SAMU PODE PARAR EM CONGONHINHAS E MAIS 42 MUNICÍPIOS!

 


Em carta aberta aos prefeitos, secretários de saúde e população do norte Pioneiro Médicos do SAMU denunciam que estão desde março de 2022 sem pagamento, caso não recebam os valores devidos ate o dia 16, vão cruzar os braços. VEJA NA INTEGRA O CONTEÚDO.


CARTA ABERTA AOS PREFEITOS, SECRETÁRIOS DE SAÚDE E POPULAÇÃO DO NORTE PIONEIRO – PARANÁ 

Nós, médicos do Corpo Clínico do SAMU NORTE PIONEIRO, vimos através desta informar a todos que: 

Primeiramente, esclarecemos que, por meio do nosso trabalho na Central de Regulação Médica de Urgência e Bases Descentralizadas do SAMU de Cornélio Procópio, Jacarezinho e Ibaiti, atendemos 43 municípios que compõe a 18ª e 19ª Regionais de Saúde: Abatiá, Andirá, Bandeirantes, Congonhinhas, Cornélio Procópio, Itambaracá, Leópolis, Nova América da Colina, Nova Fátima, Nova Santa Bárbara, Rancho Alegre, Ribeirão do Pinhal, Santa Amélia, Santa Cecília do Pavão, Santa Mariana, Santo Antônio do Paraíso, São Jerônimo da Serra, São Sebastião da Amoreira, Sapopema, Sertaneja, Uraí, Barra do Jacaré, Cambará, Carlópolis, Conselheiro Mairinck, Figueira, Guapirama, Ibaiti, Jaboti, Jacarezinho, Japira, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul, Pinhalão, Quatiguá, Ribeirão Claro, Salto do Itararé, Santana do Itararé, Santo Antônio da Platina, São José da Boa Vista, Siqueira Campos, Tomazina e Wenceslau Braz. 

Atualmente nos encontramos em uma situação extremamente delicada. 

Estamos sem receber pelo nosso trabalho desde março de 2022, além de juros e multas referentes aos pagamentos feitos a partir de dezembro que não foram realizados no prazo estabelecido contratualmente. Esta é a única fonte de renda de muitos de nós e dependemos desde pagamento para nossa subsistência e sustento das nossas famílias. 

Hoje, no dia 09 de maio de 2022, encaminhamos notificações extrajudiciais à OZZ SAÚDE, CISNOP, CISNORPI, Secretaria de Saúde do Estado do Paraná e Conselho Regional de Medicina do Paraná para expor a situação. 

Ressaltamos que, como é de conhecimento público, o contrato da OZZ SAÚDE com CISNOP acaba no dia 06 de junho de 2022. Diversos meios de comunicação vêm veiculando a informação de que este contrato poderá ser encerrado antes da data prevista devido à constatação de diversas irregularidades cometidas por esta empresa. Por este motivo, há receio de que não será feito o pagamento da remuneração atrasada e muito menos dos dias de trabalho que ainda serão realizados. 

O cenário que se desenha, sem que haja intervenção imediata dos órgãos competentes, é um colapso na prestação dos serviços de atendimento médico de urgência e emergência. 

Em razão destas circunstâncias e mantendo o nosso comprometimento com a população atendida, comunicamos a todos que, caso não haja pagamento dos valores devidos até o dia 16 de maio de 2022, há possibilidade de paralisação total dos serviços médicos no SAMU NORTE PIONEIRO a partir do dia 17 de maio devido a indisponibilidade de médicos para completar as escalas, visto que precisamos encontrar outros postos de trabalho e fontes de renda para arcar com nossos compromissos financeiros.

 Esperamos, sinceramente, que se adotem os meios necessários para a regularização desta situação, evitando-se prejuízos mais significativos à população atendida. 

Sem mais para o momento, 

Médicos do Corpo Clínico do SAMU Norte Pioneiro 

Postar um comentário

0 Comentários