Tragédia no RS: Incêndio em centro de tratamento deixa 11 mortos em Carazinho

PARCEIROS DO SITE


 

Tragédia no RS: Incêndio em centro de tratamento deixa 11 mortos em Carazinho

 

Fogo atingiu local de apoio a dependentes químicos — Foto: Corpo de Bombeiros

Um incêndio de grandes proporções no Centro de Tratamento e Apoio a Dependentes Químicos (Cetrat) em Carazinho, no Norte do Rio Grande do Sul, deixou pelo menos11 pessoas mortas, na noite de quinta-feira (23).

Dez delas morreram no local e uma no hospital. Todos eram homens. O fogo começou por volta de 23h.

Duas pessoas foram levadas para atendimento médico, uma delas está em estado grave e uma estável. Outras duas conseguiram sair do local sem ferimentos. A informação inicial é de que, no Centro, estavam pelo menos 15 pessoas.

Nenhuma hipótese sobre o início do fogo é descartada, segundo os Bombeiros.

Em nota, o governo federal disse acompanhar as investigações sobre as causas do incêndio.

“O Ministério da Cidadania se solidariza com as pessoas em tratamento, com as famílias das vítimas e com os funcionários do Cetrat e está acompanhando de perto as investigações sobre as causas do incêndio.

O Centro de Tratamento e Apoio a Dependentes Químicos (Cetrat), localizado em Carazinho (RS), recebe investimentos do Governo Federal e está em situação regular”, diz o comunicado.

Postar um comentário

0 Comentários