Soldado da PM morre aos 31 anos após ter aneurisma durante trabalho no Paraná

PARCEIROS DO SITE


 

Soldado da PM morre aos 31 anos após ter aneurisma durante trabalho no Paraná

Soldado da PM morre aos 31 anos após ter aneurisma durante trabalho no Paraná — Foto: Divulgação/PMPR

Soldado da PM morre aos 31 anos após ter aneurisma durante trabalho no Paraná — Foto: Divulgação/PMPR

 Uma soldado da Polícia Militar (PM) morreu na manhã desta segunda-feira (1º) em Curitiba após sofrer um aneurisma enquanto trabalhava. Kamila Novak tinha 31 anos. 

Segundo a PM, o rompimento do aneurisma cerebral aconteceu na madrugada de sábado (30). Ela foi encaminhada com urgência para um hospital da capital.  

Ainda conforme a corporação, a jovem chegou a ser encaminhada para uma cirurgia de urgência, mas o procedimento foi suspenso por conta da gravidade e ela foi encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para estabilização dos sinais vitais. 

A morte foi confirmada pela polícia nesta segunda. Kamila deixou o marido e dois filhos.  

Ela estava desde 2016 na polícia e atuava no 23º Batalhão de Polícia Militar (PM) na 3ª Companhia de Polícia Militar, localizado no bairro Fazendinha.

Por meio de nota, a corporação lamentou a morte da jovem e afirmou que ela "teve uma carreira exemplar". Também ressaltou que a militar era "uma excelente profissional, amiga, esposa e mãe, conhecida por sua alegria e alto astral".  

Nas redes sociais, o marido de Kamila também prestou homenagem.

Postar um comentário

0 Comentários