Menina de Ribeirão do Pinhal morre após sofrer AVC

PARCEIROS DO SITE


 

Menina de Ribeirão do Pinhal morre após sofrer AVC

 

Menina de 8 anos morre após sofrer AVC durante internamento em Londrina — Foto: Arquivo pessoal

Menina de 8 anos morre após sofrer AVC durante internamento em Londrina — Foto: Arquivo pessoal

A paranaense Maria Julia de Camargo Adriano, de 8 anos, morreu após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC). O caso chama atenção porque, segundo a comunidade médica, são raros os casos de AVC em crianças.

De acordo com a família, Maria Julia se queixou de dores de cabeça e desmaiou. Ela foi levada ao hospital, onde foi constatado sangramento no cérebro.

A menina foi internada no sábado (6) e a morte foi confirmada na segunda-feira (8).

De acordo com Adriana Silva Adriano, tia da menina, a criança estava deitada na rede da casa onde morava com a família, em Ribeirão do Pinhal, a 117 quilômetros de Londrina, quando reclamou para os pais de dor na cabeça.

"Ela desmaiou e, de imediato, os pais a levaram para o hospital da cidade. Ela foi atendida pelo médico de plantão, e começaram com os primeiros atendimentos [...]. Era uma menina dedicada aos estudos e muito inteligente. Amava os animais e tinha sonho de ser veterinária", disse.

Conforme Adriana, foi necessário transferir a criança para o hospital de Bandeirantes para realizar o exame de tomografia. No laudo médico, foi detectado um sangramento no cérebro.

Os profissionais viram a necessidade, então, de interná-la e fazer uma nova transferência para o Hospital Universitário (HU) de Londrina, na Unidade de terapia intensiva (UTI).

"Foi detectado que o quadro dela era gravíssimo e, então, constatado de fato que era o AVC", disse a tia.

Postar um comentário

0 Comentários